Guia ESA: O Guia Definitivo de Como Ser Técnico de Enfermagem do Exército

8 min read

Fala EnfConcurseiro! 

Você sabia que o Concurso ESA é um dos concursos mais chamativos na carreira militar?

É tradição da Escola de Sargentos das Armas lançar concursos anualmente, por isso estamos sempre na expectativa de lançamento de editais todos os anos!

A Escola de Sargentos das Armas (ESA) é o estabelecimento de ensino destinado, exclusivamente, à formação dos sargentos de carreira das Armas do Exército Brasileiro.

Para isso, a ESA seleciona jovens de todo o Brasil, e treina-os em níveis de  caráter, desenvolve a capacidade física e o conhecimento da profissão militar.

São mais de 100 mil inscritos por edição, dentre os candidatos de sexo masculino e feminino.

E nós vamos te ajudar a ir muito bem e alcançar a aprovação dos seus sonhos! Vamos juntos na camaradagem como diz um dos itens do Código de Honra da Escola de Sargentos das Armas.

Para isso, separamos  informações essenciais que geralmente ocorrem nos editais da ESA.  Vou te mostrar coisas importantes que você precisa saber desde as etapas anteriores a inscrição até o fim do certame. 

Põe teu foco na farda e vem comigo!

1. Requisitos 

A primeira coisa que você, aspirante, precisa saber antes de realizar a inscrição no concurso de admissão aos Cursos de Formação e Graduação de Sargentos do Exército é se satisfaz os seguintes requisitos, a serem comprovados até a data da matrícula:

  1. Ser brasileiro(a) nato(a) ou naturalizado(a)
  2. Ter concluído o ensino médio 
  3. Possuir, no mínimo, 17 (dezessete) e, no máximo, 26 (vinte e seis) anos de idade para Área da Saúde
  4. Não ter sido julgado(a), em inspeção de saúde (IS), “incapaz definitivamente” para o serviço ativo do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, de Polícia Militar ou de Corpo de Bombeiros Militar;
  5. Estar em dia com suas obrigações perante o Serviço Militar e a Justiça Eleitoral,
  6. Ter pago o Boleto Bancário (GRU), preenchida com seus dados, referente à taxa de inscrição, se dela não estiver isento;
  7. Se do sexo masculino, ter, no mínimo, 1,60m (um metro e sessenta centímetros) de altura, sendo que esta limitação não se aplica aos candidatos com até 16 (dezesseis) anos de idade, desde que possuam a altura mínima de 1,57 m (um metro e cinquenta e sete centímetros) e exame especializado revele a possibilidade do crescimento, ou se do sexo feminino, ter, no mínimo, 1,55m (um metro e cinquenta e cinco centímetros) de altura.
  8. Se menor de 18 (dezoito) anos, estar autorizado(a) por seu responsável legal a submeter-se ao Concurso de Admissão e, caso seja aprovado(a) e classificado(a) nas vagas estabelecidas, a ser matriculado(a) nos Cursos de Formação e Graduação de Sargentos (CFGS);
  9. Não ser portador(a) de doença ou limitação incapacitante para o exercício do cargo, a ser verificado na Inspeção de Saúde e na Revisão Médica
  10. Possuir aptidão física que o(a) habilite ao ingresso na carreira de sargento do Exército Brasileiro (EB)
  11. O(a)s candidato(a)s da área Saúde deverão ter concluído o curso de Técnico em
  12. Técnico de Enfermagem até a data de sua apresentação na Organização Militar de Corpo de Tropa (OMCT), portando, nessa ocasião, cópia do certificado ou declaração de conclusão do curso, autenticada em cartório, expedida pelo estabelecimento de ensino civil responsável. O curso deverá ter seu registro reconhecido pelo Ministério da Educação e pelo Conselho Regional de Enfermagem (COREN)
  13. O(a)s candidato(a)s da área Saúde deverão, também, apresentar registro no COREN;
  14. Não apresentar tatuagens que, faça alusão à ideologia terrorista ou extremista contrária às instituições democráticas; à violência; à criminalidade; à ideia ou ato libidinoso; à discriminação ou preconceito de raça, credo, sexo ou origem; ou, ainda, à ideia ou ato ofensivo às Forças Armadas

Outros requisitos sempre vêm estabelecidos no edital. Então não se preocupe!

O edital trará informações detalhadas e é importante que você veja se o seu perfil está adequado a todos os itens.

Veja se você está de acordo com esses requisitos, não vacila não hein? Mocorongou, se lascou!

2. Períodos dos cursos

O curso de formação do Concurso ESA será realizado em dois períodos de instrução distintos e sucessivos.  Os períodos de instrução e sua duração são os seguintes:

  1. Período Básico, com duração prevista de 48 (quarenta e oito) semanas; e
  2. Período de Qualificação, com duração prevista de 48 (quarenta e oito) semanas.

Além disso, durante o curso, você receberá uma bolsa-auxílio de cerca de R$ 1.150,00 e quando concluir seu curso poderá atingir salários de até R$5.000,00. 

Para te ajudar a escolher a sua opção de curso dentro das áreas de qualificação militar do Concurso ESA, vamos conhecer um pouco de cada uma delas?

Se liga!

3. Qualificação Militar de Sargentos

Após a conclusão do Primeiro Ano dos Cursos de Formação e Graduação de Sargentos (CFGS), o aluno escolhe sua Qualificação Militar de Sargentos (QMS), por mérito intelectual. No seu caso, é a  ÁREA SAÚDE, em que Sargento de Saúde desempenha missões que destinam a promoção, proteção, prevenção, reabilitação e recuperação da saúde dos integrantes da Força, bem como seus dependentes.

4. Inscrições e Vagas

Outra informação essencial é que com base em editais anteriores pudemos ver que o Concurso ESA trouxe 55 vagas para os cursos de formação na área de Saúde – Técnico de enfermagem.

A seleção destina-se as pessoas de ambos sexos que tivessem nível médio completo e idade entre 17 e 26 anos. 

A inscrição é feita através da Ficha de Inscrição disponibilizada no site da ESA, mas ela também poderia ser obtida via postal, mediante solicitação do(a) candidato(a) ao Concurso ESA por meio de carta ou telefone. 

No último certame a taxa de inscrição foi de R$95,00 efetuado em favor da ESA, e somente em dinheiro, mediante Boleto Bancário (GRU). 

Sendo assim, você pode supor que a quantidade de vagas para esse concurso será alta!

Isenção Da Taxa De Inscrição

Estão isentos do pagamento da taxa de inscrição do Concurso ESA:

  • Os filhos menores de ex-combatentes da Segunda Guerra Mundial, falecidos ou incapacitados em ação, em consequência de sua participação efetiva em operações bélicas, como integrante da Força do Exército, da Força Expedicionária Brasileira (FEB), da Força Aérea Brasileira, da Marinha de Guerra ou da Marinha Mercante
  • O(a) candidato(a) que for membro de família de baixa renda
  • O(a) candidato(a) que estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal – CadÚnico

5. Etapas Do Concurso De Admissão

Para entrar para a corporação o aspira do Concurso ESA  participará de algumas etapas em que precisava demonstrar capacidade intelectual, conhecimentos fundamentais, vigor físico e condições de saúde que lhe possibilitasse acompanhar os estudos e suportar os esforços exigidos durante a realização dos Cursos de Formação e Graduação de Sargentos (CFGS).

O concurso de admissão para matrícula é composta pelas seguintes fases:

 1ª fase, realizada nas OMSE, composta pelas seguintes etapas:

  • exame intelectual (EI), para todo(a)s o(a)s candidato(a)s inscrito(a)s de

caráter eliminatório e classificatório;

  •  valoração de títulos, da qual participaram apenas o(a)s candidato(a)s

aprovado(a)s no EI, de caráter classificatório. O(A) candidato(a) que não entregar títulos não será eliminado(a) e participar normalmente das etapas subsequentes do CA;

  • inspeção de saúde (IS), de caráter eliminatório, esta inspeção se destina

ao(a)s aprovado(a)s no EI e classificado(a)s dentro das vagas destinadas às áreas, bem

como ao(à)s incluído(a)s na majoração que serão convocado(a)s pela ESA para

continuar no CA; e

  • exame de aptidão física preliminar (EAFP), de caráter eliminatório, para

o(a)s candidato(a)s de todas as áreas, aprovado(a)s no EI e apto(a)s na IS.

2ª fase (realizada nas OMCT) de caráter eliminatório: 

  1. revisão médica;
  2. exame de aptidão física definitivo (EAFD);
  3. comprovação dos requisitos biográficos do(a)s candidato(a)s e comprovação através da heteroidentificação para os candidatos(as) que se autodeclararam pretos ou pardos no ato da inscrição e tenham indicados em campo específico que pretendem concorrer para o sistema de reserva de vagas.

Vamos juntos agora analisar algumas dessas etapas individualmente para você entender melhor.

Exame Intelectual (EI)

A prova de exame intelectual para concorrer à vaga na ESA lembra muito as provas para vestibulares na questão de conteúdo. O candidato ao Concurso ESA será avaliado nas disciplinas de:

 

  • Matemática 
  • Português
  • História e Geografia do Brasil
  • Inglês
  • Conhecimentos Específicos: Deontologia e Exercício Profissional; Fundamentos de Enfermagem; Enfermagem Médico-Cirúrgica; Enfermagem Materno-Infantil; Enfermagem em Saúde Pública; Programa Nacional de Imunização; Enfermagem Psiquiátrica e Saúde Mental

 

Também nesse certame pode haver uma questão discursiva que era constituída por uma redação que tem o objetivo de avaliar a capacidade de expressão escrita e o uso das normas do registro formal culto da Língua Portuguesa.

A redação deve ter extensão mínima de 20 (vinte) e máxima de 30 (trinta) linhas, sem contar o título, primando pela coerência, correção e pela coesão.

Para ser aprovado, o candidato precisa alcançar no mínimo 50% de acertos do total das questões de cada uma das partes, exceto inglês que era 25%, além de obter nota igual ou superior a 5 na redação.

Valoração De Títulos 

Considerando o interesse do Exército, os títulos serão valorados e computados para o resultado final do Concurso de  Admissão (CA), desde que apresentados nas condições previstas no edital do CA que geralmente são:

 

1) TÍTULOS MILITARES (somente para a área Geral/Aviação) PONTUAÇÃO
a) Certificado de Reservista de 2ª categoria (formação do combatente básico). 0,10

(dez centésimos)

b) Registro de conclusão, com aproveitamento, do Curso de Formação de Soldados (CFSd), em qualquer Força Armada, do candidato militar da ativa ou reservista de 1ª categoria (soldado). 0,20

(vinte centésimos)

c) Diploma, certificado ou histórico escolar que comprove a conclusão de curso ou estágio de qualificação técnica/profissional realizado em escolas e/ou centros de instrução das Forças Armadas e das Forças Auxiliares. Não são valorados cursos ou estágios ministrados em Organizações Militares que não sejam centros de instrução ou estabelecimento de ensino das FA ou FAux bem como os realizados em convênio com o sistema SENAI e similares 0,20

(vinte centésimos)

d) Registro de conclusão, com aproveitamento, do Curso de Formação de Cabos (CFC), em qualquer Força Armada, do candidato militar da ativa ou reservista de 1ª categoria (cabo). 0,30

(trinta centésimos)

e) Registro de conclusão, com aproveitamento, do Curso de Formação de Sargentos Temporários (CFST), em qualquer Força Armada, do candidato militar da ativa ou reservista. 0,40

(quarenta centésimos)

f) Registro de conclusão de Curso de Formação de Oficiais da Reserva da Marinha, do Exército ou da Aeronáutica, do candidato(a) militar reservista. 0,50

(cinquenta centésimos)

 

2) TÍTULOS CIVIS (somente para a área Geral/Aviação)  PONTUAÇÃO
a) Diploma, certificado ou histórico escolar que comprove a conclusão de curso realizado em instituição de ensino superior reconhecido pelo MEC. 0,50

(cinquenta centésimos)

b) Diploma, certificado ou histórico escolar que comprove a conclusão de curso de qualificação técnica/profissional, ministrado em escola técnica, pública ou particular, com indicação de carga horária do curso realizado, devidamente validado pelo Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica (SISTEC) ou apenas em conformidade com a Resolução CNB/CEB nº 1, de 5 DEZ 14, que aprovou o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. 0,30

(trinta centésimos)

 

 

3) TÍTULOS CIVIS (somente para a área Saúde e Música) PONTUAÇÃO
a) Diploma, certificado ou histórico escolar que comprove a conclusão de curso superior realizado em instituição de ensino superior reconhecida pelo MEC. 0,60

(sessenta centésimos)

b) Diploma, certificado ou histórico escolar que comprove a conclusão de curso técnico de qualificação técnica ministrado em escola técnica, pública ou particular, com indicação de carga horária do curso realizado, em conformidade com a Resolução CNE/CEB nº 1, de 5DE 0,20

(vinte centésimos)

 

Exame De Aptidão Física Preliminar (EAFP)

A aptidão física será expressa pelo conceito “APTO(A)” ou “INAPTO(A)”, e será avaliada pela aplicação de tarefas a serem realizadas pelo(a) candidato(a) (com seu próprio traje esportivo), em movimentos sequenciais, padronizados e de forma contínua, conforme as condições de execução e índices mínimos discriminados a seguir:

  • abdominal supra
  • flexão de braços sobre o solo
  • corrida de 12 min 
  • flexão de braços na barra fixa

Conclusão

Apesar de o edital geralmente sair no início do ano, as provas do Concurso ESA acontecem 12/07/2020. Dessa forma, você pode intensificar os seus estudos até lá. 

Vamos papirar guerreiro!!!

Depois de ter lido esse artigo e descoberto as principais informações dos editais anteriores como: quantidade de vagas, requisitos, etapas do concurso e tempo dos cursos, você já pode começar a separar o seu material de estudo para ser aprovado.

Não deixe de ficar sempre ligado no carreiramilitar.com.br para obter as melhores dicas de estudo para o Concurso ESA!

 Vamos estudar até sangrar porque cicatrizes de batalha são sexys!!!

Foco na farda!!!

Processo seletivo Prefeitura de Santana do Paraíso – MG

Processo seletivo Prefeitura de Santana do Paraíso As inscrições devem ser feitas até o dia 28/04/2020 pelo site Com 0 vagas Superior A remuneração...
karolbarbosa
21 sec read

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *